5 filmes ganhadores do Oscar da minha vida

Quase terminando fevereiro, mas ainda dá tempo de fazer um meme do Rotaroots desse mês! Faz muito tempo que não respondo nenhuma das tags do grupo, ó que desleixo. Mas essa me chamou uma especial atenção principalmente por conta do jeito que a Duds fez, separando em categorias, assim como no Oscar mesmo. Escolhi 5 categorias da premiação para o post também (olha eu imitona, haha!): Melhor Filme, Melhor Diretor, Melhor Trilha Sonora, Melhor Figurino e Melhor Animação, com filmes que amo e admiro por causa de cada um desses quesitos.

Falando sobre o Oscar desse ano, gente, o que foi aquilo? É ótimo perceber que certos discursos estão chegando nesse patamar, como o da Patricia Arquette sobre direitos iguais entre mulheres e homens; o do Alejandro Iñarritu sobre seus conterrâneos mexicanos e a vida de imigrante nos EUA (depois de uma piada infeliz do Sean Penn); o do John Legend e do Common sobre a luta pelos direitos dos negros e o do Graham Moore sobre autoaceitação. E ainda teve a brilhante e impecável apresentação da Lady Gaga, homenageando os 50 anos da Noviça Rebelde, cantando The Sound of Music. Putz, foi uma cerimônia e tanto (pode chorar revendo as cenas? pode, né?).

Preciso dar uma segurada no assunto, porque senão, continuo falando sobre ele pra sempre, haha. Bora voltar ao tema do post de hoje, né? Então vem ver as minhas escolhas de cada categoria:

1. Melhor Filme: 500 dias com ela

5-filmes-oscar-02

500 Dias com Ela é uma história que não é de amor (será?) sobre um rapaz e uma moça. A moça, Summer, é nova no emprego do rapaz, Tom, e logo desperta a atenção dele. Enquanto Tom é um romântico convicto, Summer acha que esse lance de “amor verdadeiro” é pura balela. E, como a vida adora uma zuera sem limites, os dois acabam ficando mais do que amigos.

Talvez uma das categorias mais difíceis de escolher, porque tenho vários filmes que adoro. Só que nenhum foi tão redondinho quanto 500 Dias com Ela – gosto do elenco, da história, da trilha sonora… E eu assisto mil vezes sem cansar. A verdade é que todos nós já fomos Tom e Summer em diferentes épocas da nossa vida, e eu me identifico muito com a história dos dois.

separador-1

2. Melhor Diretor: Alfred Hitchcock

5-filmes-oscar-03

Tenho uma certa adoração por filmes de suspense, principalmente os antigos. E quem melhor do que Alfred Hitchcock para representar essa categoria? Dos seus filmes, conheci primeiro Psicose, o clássico, e ele é um dos meus favoritos. Tanto que já li o livro (que virou um dos favoritos também) e acompanho a série Bates Motel.

Outro filme dele que sou fã é Janela Indiscreta, que foi baseado em um conto de Cornell Woolrich. No elenco está a maravilhosíssima Grace Kelly e James Stewart. A história é sobre um fotógrafo que está preso em seu apartamento porque quebrou a perna no trabalho e precisa se recuperar. Como ele não tem mais nada pra fazer, fica bisbilhotando a vida alheia com a sua câmera. Até que ele vê algumas movimentações em uma casa e começa a suspeitar de um homem – que talvez tenha matado a sua mulher e escondido o corpo.

separador-1

3. Melhor Trilha Sonora: Amélie Poulain

5-filmes-oscar-04

Ela poderia figurar a categoria de Melhor Filme, porém preciso enfatizar a perfeição da trilha sonora dessa obra. Adotei ela para a minha vida, principalmente quando preciso dar um gás na minha criatividade. Ela me transporta de volta pra Paris e dá um nózinho na garganta, vai entender, haha. Eu adoro a trilha sonora de Na Natureza Selvagem também, mas não escuto tanto quanto essa.

O Fabuloso Destino de Amélie Poulain é um filme que fala sobre a vida simples, de apreciar a felicidade nas menores coisas – e de mostrar para as outras pessoas como isso é importante.

separador-1

4. Melhor Figurino: O Grande Gatsby

5-filmes-oscar-05

Deixando as discussões sobre como a obra foi adaptada para o cinema, O Grande Gatsby é um filme lindo visualmente. E, bom, tem Leonardo DiCaprio, né? Eu fico babando nos figurinos dos filmes de época e, como tenho uma queda gigantesca pela década de 1920, não poderia ser diferente com este. O figurino do filme de 1974 também é lindíssima e eu falei um pouco sobre ele aqui.

O Grande Gatsby conta a história do jovem Nick Carraway, que acaba de se mudar para ao lado da mansão de Jay Gatsby, uma pessoa com vários mistérios e uma grande fortuna. Nick fica admirado e fascinado pela vida de Jay e aos poucos vai se tornando seu amigo. E é aí que ele descobre a paixão antiga de Jay por sua prima, Daisy Buchanan, que é casada com o truculento Tom Buchanan.

No filme talvez não fique tão evidente, mas o livro, escrito por F. Scott Fitzgerald, é uma crítica aos costumes americanos, retratando um período conturbado para o país na visão da camada mais abastada da sociedade. É uma grande alfinetada ao materialismo doentio da época.

separador-1

5. Melhor Animação: Valente

5-filmes-oscar-06

E por último, mas não menos importante, o prêmio de Melhor Animação vai para Valente, sem dúvidas. Adoro a ousadia da Merida em desafiar não só os pais, mas todo um conjunto de costumes. E a relação que ela constrói com a mãe também é linda de se ver.

Bom, para quem ainda não viu (veja!!), Valente fala sobre Merida, uma princesa escocesa que está determinada a trilhar o seu próprio caminho e, para isso, ela precisa ir contra as imposições dos pais – principalmente da sua mãe. Entretanto, algo dá muito errado quando ela recorre a uma velha bruxa e a ajuda vem em forma de maldição. E aí Merida vai ter que se desdobrar e ter bastante coragem pra resolver esse problema.

separador-1

Vocês curtiram as minhas escolhas? Substituiriam alguma? Comentem aqui embaixo! :)

Esse post faz parte da blogagem coletiva do Rotaroots no Facebook, um grupo de blogueiros que quer resgatar a época old school dos blogs. Para acompanhar os temas de todos os meses, é só ficar de olho por !

Apothecary, por Seventh Duchess

The Seventh Duchess é uma marca de chá de luxo que eu não conhecia até pouco tempo atrás. Nós fomos apresentadas por meio desse projeto lindo do estúdio de design australiano Nude, que me encantou logo de cara (amor à primeira vista, sabem?). O estúdio criou as embalagens para uma linha da Seventh Duchess chamada Apothecary, com chás 100% orgânicos. São eles:

  • Goddess – Organic New Mother’s Tea
  • Grace – Organic Beauty Tea
  • Peace – Organic Relaxation Tea
  • Radiance – Organic Detox Tea
  • Spirit – Organic Energy Tea

Como não amar esse design minimalista e elegante? Latinhas como essas seriam decorativas aqui dentro de casa. Os chás também acompanham uma pequena enciclopédia com ilustrações dos ingredientes primários dos chás.

Apesar de nunca ter experimentado (e de cada latinha custar 27 dólares), fiquei bastante curiosa. Alguém aí também é fã de chá? :)

the-seventh-duchess-01the-seventh-duchess-11the-seventh-duchess-04 Continue lendo

Publi: Um sonho sonhado junto é realidade

Viver é sonhar o tempo todo. Sonhamos em terminar a faculdade, em fazer um intercâmbio, em ser independente, em ter um animalzinho de estimação… E, claro, dividir o apartamento com quem se ama. Consegui juntar as escovas de dente com o meu namorado no final do ano passado e tudo está melhor do que eu imaginava. Para ser melhor, só precisaríamos comprar um apartamento para podermos deixá-lo totalmente a nossa cara. Esse é um dos probleminhas que enfrentamos ao morar de aluguel – fora o valor mensal que pagamos.

Ter um apê próprio está nos nossos planos a longo prazo, algo que riscaremos da nossa lista com muito gosto assim que realizarmos. E colocar isso numa lista em conjunto só torna ainda mais incrível: estamos construindo o nosso futuro juntos. Por estar ao lado de alguém que amo, fico ainda mais empolgada por poder viver essa aventura. É como disse Raul Seixas, “um sonho sonhado sozinho é um sonho, um sonho sonhado junto é realidade”.

Fico ainda mais feliz quando vejo pessoas jovens batalhando bastante e já conseguindo riscar sonhos da lista. Acho que não é só uma consequência da Lei da Atração como também um resultado de mão na massa. Para realizar os sonhos, é preciso força de vontade e pé no chão; pensando no futuro, mas vivendo um dia de cada vez. E o melhor é continuar sonhando, sempre correndo atrás daquilo que nos fará feliz.

O vídeo abaixo ilustra muito bem isso. Independente de qualquer coisa (da religião, da classe social ou da orientação sexual), todos merecemos ter sonhos e chances para conseguirmos realizá-los.

Eu quero muito saber: quais são os sonhos de vocês atualmente? Quais vocês conseguiram realizar recentemente? Comentem aqui embaixo e usem a hashtag #meumundomelhor nas redes sociais também! :D



A vitamina de banana com achocolatado do namorado

Um dia desses postei no Instagram uma foto da vitamina de banana com achocolatado que o Douglas, meu namorado, me ensinou a fazer e que eu tenho curtido bastante ultimamente. Depois de tantos pedidos para recriar a receita aqui no blog, finalmente consegui um tempinho para tirar as fotos.

Infelizmente a cozinha daqui de casa não é muito fotogênica – além de ser bastante escura. Então, tive que trazer tudo aqui pra sala para fotografar, haha. Por isso não tirei fotos de todo o processo como gostaria. :/ Mas enfim, já vou avisando que a receita é super hiper mega ultra blaster fácil de fazer. É só jogar tudo no liquidificador!

A vitamina também depende muito do seu gosto. Prefere mais docinha? Com menos achocolatado? Com mais leite? Você vai dosando a quantidade de acordo com o que prefere e vai experimentando durante o processo. Escrevi aqui só umas dicas que podem facilitar na hora de separar os ingredientes. Continue lendo