Categorias: Viagens

Meme: 5 coisas para fazer em Belo Horizonte

Aaaah, Belo Horizonte. Tenho uma singela relação de amor e ódio com essa cidade. Apesar de morar perto de um dos cartões postais de BH, a Praça da Liberdade, ainda vejo muita coisa errada por aqui. Trânsito, violência, infraestrutura… Mas, vai, é um problema que assola as grandes cidades do Brasil, né. A apesar de ser uma cidade desse porte, ainda chamamos carinhosamente de “roça grande”. Aqui todo mundo se conhece. Se não conhece, tem um amigo que pode conhecer.

Há um tempo, fiz um mini-guia daqui. Que é até bom, mas muitos dos lugares que falei eu não frequento mais, então, nem sei se ainda existem. Incentivada pelo Rotaroots, vim fazer um apanhado com 5 lugares que vocês precisam conhecer ao vir para Belo Horizonte – na minha opinião, claro. Espero que gostem!

Belo Horizonte

1, 2, 3 e 4

1. Praça da Liberdade
O primeiro lugar que você deve conhecer é a Praça da Liberdade. E, de preferência, passar umas boas horas fotografando esse lugar tão lindo da cidade. Aos domingos, é possível visitar também o Palácio da Liberdade, antiga casa do governador. Ela fica aberta ao público com visitas guiadas obrigatórias. Além disso, ao redor da Praça, há vários museus e centros culturais interessantes. Dá para conhecer quais são por aqui.

2. Mercado Central
Quando minha mãe vem me visitar, é o primeiro lugar que vamos aos finais de semana. E mesmo visitando o diacho do mercado vinte vezes por dia, ainda consigo me perder dentro dele. Lá tem uma infinidade de lojas incríveis que, na sua maioria, vendem o estilo de vida e a cultura mineira. Queijos, doce de leite, bares, canequinhas esmaltadas, café feito moído na hora, itens para artesanato, brinquedos feitos de madeira… Mas há também um encontro de culturas, com um pouco de artesanato nordestino e comida libanesa, por exemplo. Só acho que, se você não foi ao Mercado, você não conheceu Belo Horizonte. :)

3. Feira Hippie da Afonso Pena
Tá com vontade de andar? Tem paciência de sobra? Tá com dinheiro pra comprar? Então você precisa conhecer a feirinha hippie, carinhosamente chamada assim pelos mineiros. De móveis pra casa a roupas infantis, você encontra de tudo um pouco por lá. Bolsas falsificadas ou bolsas feitas à mão? Não importa, tem lá. Dá pra você mobiliar uma casa e renovar seus acessórios só numa ida. E o preço geralmente é em conta (mas alguns metem a mão mesmo quando vê que é turista). Além disso, ainda tem o famoso acarajé, que eu nunca experimentei pusquê sou alérgica a camarão, mas dizem que é imperdível. Ah! E a água de coco de 10 reais também, claro. :P

4. Savassi
Tem gente que odeia esse canto da cidade por dar muitos ~novinhos~ na sexta e no sábado à noite. Mas o fato é que eu adoro a região. De dia, tem lojas bem legais de roupa e livrarias. <3 De noite, de fato, o público dos bares é uma galera de 18 a 30 anos, no máximo. E isso também depende de que bar você vai. Tem o Baiana do Acarajé que você vê de tudo. Tem o 80s que só toca música dessa época e dá uma galera mais cult. Tem o Vintage13 que recebe só a galera que curte muito rock e metal – consequentemente, motoqueiros desfilando com suas Harleys também. Tem o Café 3 Corações que, bem, talvez seja o único com o público 30+.

5. Praça do Papa
Uma das vistas mais lindas de Belo Horizonte. Ela é bem no alto da cidade e sempre tem gente por lá andando de bicicleta, vendendo pipoca ou cachorro quente, fazendo piquenique, passeando com as crianças, praticando esporte… É um local com bastante espaço e tem casas incríveis nos seus arredores. Por ser um pouco ~afastado~, é preciso ter cuidado por lá. Já ouvi falar sobre muitos assaltos, infelizmente.

E a Pampulha, Gabi? Ah, não posso falar sobre o lugar porque nunca parei para aproveitar de fato. Só passo de carro e tal. A galera costuma andar de bicicleta, correr, ir ao parque de diversões, mas não é um dos meus lugares preferidos de todos. Então, prefiro nem indicar.

Comente aqui

5 comentários

  1. Nina Vieira 16 de março de 2014
    às 19:24

    Vish, Gabi. Ando devendo uma visitinha a BH. Só fui ai uma vez e só passei uma tarde. Tudo o que vi foi muito verde, muita árvore, passei mal com o ar que me exigia mais da respiração, muito diferente da minha Salvador poluída, a qual estou acostumada.
    BH é mesmo para morar.
    Beijos.

  2. Karyne 17 de março de 2014
    às 07:29

    Fui em BH umas 3 vezes… mas vou te dizer que não fui nos pontos turísticos =(
    Quero voltar para conhecer mais a cidade, já que das outras vezes não deu!

    Blog do Sofá

    1. Gabi 18 de março de 2014
      às 21:23

      Volta sim, Karyne! :D

  3. Tany 17 de março de 2014
    às 23:46

    Bom saber que você tem E gosta de visitar alguns dos pontos turísticos da sua cidade porque quando eu for te visitar vou querer ir em todos! hahaha

    1. Gabi 18 de março de 2014
      às 21:22

      HAHAHA, chega mais, Tany! <3