Categorias: Internet

Favoritos dos últimos tempos: documentários, ansiedade e vulvas

sub-buzz-10379-1468002556-1

  1. 19 documentários impressionantes que você pode ver na Netflix: A Netflix não é feita só de séries! Eles têm um cardápio muito legal de documentários também. Por isso, esse post do Buzzfeed pode te ajudar na hora de escolher um para assistir em casa. ;)
  2. 21 dicas de livros para pensar sobre feminismo: Além de aumentar a sua lista de séries, tô aumentando a sua lista de livros – como se a gente não tivesse uma fila enorme o suficiente, né? Hahaha! Ah, e essa é a segunda parte, com ainda mais livros. Já adicionei alguns ao meu Kindle!
  3. O que é ‘pós-verdade’, a palavra do ano segundo a Universidade de Oxford: Um dos textos mais interessantes que li essa semana. Adoro ver qual palavra a Universidade de Oxford elege para cada ano e a de 2016 resume muita coisa que fez parte do nosso cotidiano – desde boatos espalhados pelo WhatsApp até matérias falsas no Facebook. Vale a pena ler!
  4. Como escrever melhor: autores compartilham suas experiências: Dicas de escritores são sempre bem-vindas. Então, se você, como eu, também gosta muito de escrever, vai poder aproveitar as sugestões de quem já está nesse ramo há um tempão.
  5. Precisamos falar sobre ansiedade: Você também sofre de ansiedade? Então esse texto vai ser um abraço quentinho na alma. :)
  6. Correio eletrônico: Acho incrível que as newsletters têm começado a ficar na moda. Muita gente que admiro começou a mandar textos direto para a caixa de e-mail e, nesse post, há algumas indicações bem legais.
  7. Beleza Interior? A Misteriosa Síndrome dos Caras “Feios” com Minas Gatas na Cultura Pop: Um post extremamente pertinente sobre uma das coisas que me incomoda na indústria tanto cinematográfica quanto de séries.
  8. Vulvas: Shapes, sizes and misconceptions: Textinho em inglês sobre a diversidade da estética das vulvas – e como a pornografia ajuda a acabar com a nossa autoestima nesse quesito.

/ /

Apanhado do Facebook

  • Tô perdidamente apaixonada pela edição de bolso de luxo d’A Bela e a Fera, feita pela Zahar. Já quero!
  • Amei esse texto da Daniela:

  • Compartilhei esse gif lindinho:

  • E falei sobre a pesquisa sobre o anticoncepcional masculino:

Até a próxima! :D

Comente aqui

6 comentários

  1. Jamile Galterio 28 de novembro de 2016
    às 11:02

    Adorei as dicas de livros feministas, assim que tiver um tempinho já vou ler um.
    Já até tinha ouvido falar que a Universidade de Oxford tinha escolhido ‘pós-verdade’ como palavra do ano, mas até o momento não tinha parado para ler sobre e achei bastante interessante dado como as coisas estão hoje em dia.
    Tenho você no Facebook e não vou negar: a maior parte das coisas interessantes que leio a partir dele vêm de você, hahaha.
    Beijos

    1. Gabi Barbosa 28 de novembro de 2016
      às 23:57

      Ahhh, que demais saber, Jamile! <3 Obrigada por me acompanhar por lá!

  2. Carol mancini 29 de novembro de 2016
    às 18:10

    Eu AMEI as vulvas hahaha. Eu já vi alguns outros pontos relacionados a p0rn e a ilusão não só do corpo mas também do desempenho (!!!) da mulher. É fogo ser mulher, Gabizinha…

  3. Carol alcântara 30 de novembro de 2016
    às 20:18

    No Netflix há muitos comentários muito bem feitos e sobre temas interessantes. Sempre que posso assisto algum e nunca me decepcionei. Faltou na lista, o documentário: Demain (Amanhã, em francês) que mostra soluções possíveis para os grandes problemas relacionados com a economia, democracia, educação, alimentação e energia. Muitas soluções estão bem ao nosso alcance e são mais simples do que poderíamos imaginar. Uma das partes mais inspiradoras, na minha opinião, mostra a reviravolta da Islândia, que sofreu com a crise de 2008, mas deu a volta por cima criando uma Assembleia Constituinte composta por 25 cidadãos e deixando o poder de decisão dos assuntos do Estado nas mãos do povo (literalmente e não no sentido figurado como ocorre na maior parte do mundo). Um exemplo que com certeza deveria ser seguido pelo Brasil. O documentário conta com a participação da talentosa Shoshana de Bastardos Inglórios (Mélanie Laurent). Vale muito a pena assistir! Recomendo muito!

  4. Michelle 2 de dezembro de 2016
    às 09:10

    Vou ler o Feminismo e Política.

  5. Tany 4 de dezembro de 2016
    às 20:46

    Gabi, muito obrigada por esses links. Eu não tinha visto nenhum ainda, inclusive o seu, e eu abri todos na aba aqui. Suas seleções são ótimas. Brigada demais. <3