Categorias: Viagens

Paris: Montmartre, Sacré-Coeur, Père Lachaise e Notre Dame

Seguindo com os posts, desta vez separei lugares que não cobraram entrada e que são lugares importantes da cidade. Mas não se engane. Mesmo fugindo dos Museus, esses locais também ficam bem cheios e não há passe que resolva isso!

Montmartre é apaixonante. Suas ruazinhas, seus restaurantes, suas lojas… Tudo! Lá comemos um delicioso almoço e tivemos os maiores achados. E nem tivemos que andar muito! Consegui um mega livro sobre moda por apenas 2 euros. Tudo bem que está em outra língua, mas é um incentivo a mais para voltar a estudar francês. ;) Foi lá que compramos os souvenirs para trazer para o Brasil. Estava bem mais barato do que perto do Louvre…

Para o Sacré-Coeur, ou você prepara suas perninhas para subir as escadas ou vai de elevador até o topo. E vou te dizer: vale a pena. A vista de Paris é linda, incrível! Mas se prepare. É muita gente por metro quadrado.

Dica: para subir até Sacré-Coeur, você precisará pagar o elevador. Se você já tiver o passe de metrô, não precisará pagar, é só passar na catraca. Nada é melhor nessa cidade do que comprar antes passe para tudo! Hahah…

Père Lachaise é um cemitério em Paris que abriga túmulos de músicos, pintores, pensadores, cientistas… E também é um ponto turístico interessante para se visitar. Além dos túmulos de artistas, há túmulos que impressionam pela imponência e riqueza de detalhes. Não é qualquer um que está enterrado por lá. O túmulo acima é de Jim Morrison. Encontramos também Chopin, La Fontaine, Molière, Balzac, Benjamin Constant, Marcel Proust, Edith Piaf…

Dica: MAPA! Apesar de ser um cemitério, o Père Lachaise é um ponto turístico gigante e é fácil ficar perdido entre as ruazinhas. Por isso, já na entrada do lugar, pegue um mapa e vá aos túmulos que te interessam. O lugar é bem grande e você irá gastar horas visitando.

Notre Dame não é tão grande como no filme O Corcunda de Notre Dame, da Disney, mas não deixa de ser linda. A fila é inevitável, mas ela vai rapidinho. O clima dentro da igreja é maravilhoso e dá vontade de ficar por lá mesmo. A luz é indireta e tem uma música ambiente cantada por um coral. Dá para acender uma vela e deixar no altar, mas cada uma custa 2 euros… meio caro!

Comente aqui